• grupowdm

Aço Liga: quando utilizar e quais as principais características?

Atualizado: 16 de mar.




O aço está em todo lugar. Desde a construção civil, passando pela agricultura e até nos utensílios usados em casa, ele está lá. Porém nem todo aço é igual. No artigo de hoje iremos falar sobre o aço-liga, um material especial com características diferentes do aço comum.


Mas por que falar sobre o aço-liga?


Com a expectativa de 2,2% de crescimento na produção do aço bruto no país - em torno de 36,8 milhões de toneladas - e 1,5% de crescimento no consumo aparente, o aço-liga estará cada vez mais presente em todos os setores da economia.


Então vamos lá! No artigo de hoje você irá ver:

  • Os diferentes tipos de aço

  • Aço carbono

  • Aço-liga

  • Onde o aço-liga é usado

  • Cromo

  • Níquel

  • Manganês

  • Silício


Os diferentes tipos de aço


Muita gente pensa que o aço é um material encontrado na natureza, ou na tabela periódica, como o ferro ou o ouro, mas não é bem assim. O aço é uma liga metálica, o que significa que ele é feito pela junção de dois ou mais elementos, neste caso, o ferro e o carbono.


Essa composição faz com que o aço seja bastante versátil e mais barato de se utilizar do que outros materiais. É por isso que ele é tão empregado nos mais variados setores.


Isso também acontece porque o aço é um material de bastante durabilidade e resistência, além de ser flexível e maleável quando exposto a altas temperaturas, podendo ser moldado para assumir diferentes formatos.


Mas nem todo aço é igual. Na verdade, podemos dividi-lo em dois grandes grupos: o aço carbono e o aço-liga, que é o que vamos falar hoje. Mas antes precisamos falar sobre o aço carbono, o aço “básico”.


Aço carbono


O aço carbono é o principal tipo de aço fabricado e usado no mundo.


Pode parecer redundante chamá-lo de aço carbono, já que todo aço é feito de ferro e carbono, mas a diferenciação acontece porque o aço carbono não tem mais nenhum elemento em quantidades expressivas além desses dois, enquanto o aço-liga tem.


Aço-liga


A diferença do aço-liga é a presença de outros elementos em sua composição além do ferro e do carbono. Isso é proposital, porque cada componente adicionado muda as propriedades do aço e ele passa a ser usado para desempenhar funções diferentes.


Alguns exemplos de elementos adicionados ao aço são o níquel, o vanádio, cromo, silício, entre outros, e as razões para acrescentá-los também são diversas, como melhorar a resistência do aço, a dureza, durabilidade, etc.


Onde o aço-liga é usado


É essa mudança de propriedades que faz com que tipos diferentes de aço sejam usados para diferentes aplicações, de acordo com as características adquiridas.


Uma coisa importante de dizer é que é comum chamarmos o aço-liga pelos elementos da ligação, como aço níquel, ou aço cromo-manganês. Vamos dar alguns exemplos a seguir:


Cromo

O cromo aumenta a dureza e a resistência ao desgaste e melhora a temperabilidade do aço.


Essas características fazem do aço cromo ideal para ser usado em instrumentos cirúrgicos, cutelaria, parafusos, porcas, molas, aço inoxidável, entre outros.


Níquel

O níquel é acrescentado ao aço para aumentar sua dureza, ductilidade (o quanto o material consegue ser deformado sem se quebrar) e resistência a impacto.


É muito comum usar o níquel em ligas de aço compostas, como no aço cromo-níquel-molibdênio, que é usado para peças de motor automotivo, engrenagens e outros objetos.


O níquel também está presente nas moedas, aumentando a resistência à corrosão causada pela ureia, que é passada pelas nossas mãos.


Manganês

O aço com maço-liga-quando-utilizar-e-quais-as-principais-característicasanganês também tem melhor temperabilidade e temperatura de austenitização reduzida. Por isso é bastante usado na produção de vigas para construção civil e na produção de automóveis quando aliado ao cromo.


Silício

O aço silício tem boa permeabilidade magnética, dureza e resistência a ácidos e ao desgaste, o que faz com que ele seja bastante usado em equipamentos de elétrica, motores, alternadores, molas para veículos pesados, entre outros.


Apesar de esses não serem os únicos aços-liga, eles mostram como o aço é versátil e como o acréscimo de um material pode fazer toda a diferença em suas aplicações e no produto final!


O que achou deste conteúdo sobre aço-liga? Ficou alguma dúvida? Deixe seu comentário ou entre em contato conosco e saiba mais sobre a Brasil Aços!


19 visualizações0 comentário